Artigo A GLÓRIA DE CRISTO E A NOSSA SANTIFICAÇÃO

A GLÓRIA DE CRISTO E A NOSSA SANTIFICAÇÃO

01/10/2019 às 13h27, por Ricardo Macieira

Visto por 23 pessoa(s)

"Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a Glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor."(2 Coríntios, 3:18)

Todo avanço real de santificação na vida do cristão se dará por meio do seu progresso no discernimento da Glória de Deus revelada na Face de Cristo. Em outras palavras, cada vez que o cristão cresce no discernimento dos atributos divinos revelados na Pessoa do Senhor Jesus, mais este cristão será transformado à semelhança do caráter do próprio Cristo!

Esse conhecimento conceitual que obtemos de Jesus através do estudo da Escritura, seguido desse conhecimento experiencial que provém do cultivo de uma vida de comunhão com a Divindade pelos meios da Graça, é o que irá de fato desenvolver em nós a autêntica piedade cristã! Esse crescimento se dá por meio da ministração do Espírito Santo, que aviva a visão espiritual da nossa consciência, de modo que as realidades espirituais possam progressivamente ir tomando mais e mais forma diante dos olhos da nossa alma, e dessa forma sobrepujar os apelos sensuais e influências outras que a carne, o mundo e o Diabo constantemente exercem sobre a nossa vontade!

É justamente através dessa contemplação da Glória do Senhor que o crente recebe o incremento de fé necessário para impulsioná-lo a um genuíno despertamento que consequentemente o levará a priorizar as coisas celestiais em relação às terrenas. As coisas de Deus então começarão a adquirir mais consistência em nossas mentes e começaremos a experimentar a aplicação prática da teologia no nosso cotidiano e em cada circunstância! O resultado inevitável disso será um desprendimento cada vez maior da influência das paixões mundanas e uma busca cada vez maior por consagração e santificação, de modo espontâneo e não legalista! Essa é a verdadeira santificação operada pela Graça, e cuja consumação final e plenitude se dará no exato momento futuro em que teremos a visão ocular da Face de Cristo em Sua Excelsa Glória!

"Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifesto o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando Ele(CRISTO) se manifestar, seremos semelhantes a Ele; porque assim como É, O veremos. E todo o que nEle tem esta esperança, PURIFICA-SE A SI MESMO, assim como Ele é puro."(1 João, 3:2-3)
Artigos
Kadoshi Web Rádio
Subir