Artigo Há Olhos Que São Maus e Há Luz Que É Treva

Há Olhos Que São Maus e Há Luz Que É Treva

03/11/2017 às 08h19, por Ricardo Macieira

Visto por 539 pessoa(s)

"A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo teu corpo terá luz; se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão GRANDES são tais trevas!"(Mateus, 6:22-23)

Aqui temos duas situações muito comuns no que tange à visão ideológica e/ou religiosa das pessoas. Aqueles conceitos existenciais que norteiam o caráter do indivíduo, seu entendimento filosófico à respeito do sentido da vida ou das convicções religiosas que governam a sua consciência...

O cristianismo puro e autêntico é sem dúvida um caminho bastante estreito pois, se fiel ao seu Mestre, certamente receberá o grande impacto de contradição do mundo, ao afirmar a exclusividade da Fé evangélica. Cristo é o Único Caminho e o Evangelho é a Única Mensagem que conduz o homem a esse Caminho que por Sua vez conduz à Vida Eterna.

Na primeira parte do verso Jesus afirma que os OLHOS são a candeia do corpo, ou seja, se a tua percepção à respeito do real sentido das coisas estiver de acordo com a Palavra de Deus, então isso te conduzirá a um também correto entendimento de sua própria condição como pecador diante de um Deus Santo e Justo. Só dessa forma tu poderás enxergar a cura para o tua chaga existencial pela Fé exclusiva na Obra do Redentor e isso consequentemente trará LUZ inextinguível para toda a tua vida. Salvação!

Se os teus olhos forem MAUS, se a tua visão de mundo e propósito for falha, se for equivocada ou se for tendenciosa então tu estarás em trevas. Porém há uma condição ainda bem pior do que essa, é aquela que se baseia numa firme convicção que é depositada em um entendimento equivocado sobre a própria natureza do cristianismo, ou seja, afirmar a Fé bíblica a partir de um ponto de vista tristemente EQUIVOCADO.

A Moisés foi permitido contemplar o parecer de Deus pelas costas e de certa forma, era assim que o judeu podia contemplar a Glória do Senhor até à época da vinda do Divino Messias e então, o próprio 'Yahweh', mostrou a Sua Face na pessoa de Jesus e eles o rejeitaram, pois os olhos da sua alma eram maus e mesmo a despeito da declaração oral do próprio Verbo de Deus, a corrupção interior presente neles, os embriagou de tal modo que suprimiram o alerta de suas próprias consciências então iluminadas, e resistiram obstinadamente ao seu Deus.(João 8:30-59)

É justamente por isso que há tantas pessoas que se dizem e até mesmo parecem ser de fato cristãs, mas que ao abrirem os lábios para falarem sobre a sua fé, logo deixam claro que a base de suas convicções não está na revelação final de Deus que é o Evangelho da Cruz. Para elas, a missão de Cristo era apenas a de ser um mero exemplo a seguirmos. A sua atenção está voltada apenas para os aspectos éticos dessa doutrina e do seu impacto positivo sobre a sociedade, como se Cristo tivesse vindo à terra, sofrido e morrido diretamente por isso.

Não é por acaso que as Escrituras, mais precisamente em Hebreus onze, verso um, claramente definem a verdadeira Fé Cristã como sendo uma FIRME CONVICÇÃO de realidades que os olhos da carne não podem ver, dizendo em outras palavras que a real segurança da Fé autêntica repousa sobre coisas FORA DESTE MUNDO, em promessas que se cumprirão na Glória do porvir. Essa é a certeza que governa toda a vida de um cristão e não o engano de uma concepção meramente terrena do Reino de Deus.

Este é o CONCEITO que rege a consciência da Igreja de Cristo e de cada crente individualmente no presente. Todo o direcionamento pedagógico da doutrina cristã ortodoxa gira em torno desta célica visão de Reino e fora desta confiança específica na Graça de Deus revelada na Cruz não há a presença da autêntica Luz, mas sim de trevas, grandes e terríveis trevas espirituais... Que a Luz da Glória de Deus ilumine sempre a todos nós! Amém!

"...que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê o espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele; sendo ILUMINADOS OS OLHOS DO VOSSO CORAÇÃO, para que saibais qual seja a Esperança da sua Vocação, e quais as Riquezas da Glória da sua herança nos santos..."(Efésios, 1:17-18)
Artigos
Kadoshi Web Rádio
Subir